Segue-nos no Facebook e juntos vamos criar a maior comunidade de MMA em português!

Espaço do Fontes #11 – O homem que olha as estrelas

Ele vem aí!!

É já no próximo mês que Fernand Lopez Owonyebe voltará solo luso, no âmbito de um Seminário –  promovido pela KM360 Portugal e pela CAPMMA – que desde a primeira hora tem gerado elevadas expectativas.

E porque ninguém nasce ensinado, poderão alguns de vocês por esta altura estar a perguntar: “mas quem é Owonyebe?”.

Pois bem, extrapolando a comparação para outra modalidade estamos a falar de alguém com um prestigio semelhante ao de Josep Guardiola ou Jurgen Klop.

Perceberam, não é?

Fernand Lopez Owonyebe é hoje e aos 36 anos, um dos maiores treinadores de MMA que o Mundo conhece.

Na próxima luta que tem agendada, tentará “apenas “levar o seu pupilo Francis Ngannou, um Camaronês de origem tal como ele – e se não conhecem a incrível história do candidato ao titulo Heavyweight da UFC e a importância que o treinador radicado em França teve na sua vida, é só consultarem “O Espaço do Fontes #6 – Ngannou, O Príncipe De Batié “aqui no ultimatefight.pt  – ao panteão máximo da Promotora Americana,  já no próximo dia 20 de Janeiro.

Owonyebe “is that good”.

Responsável pela MMA Factory, um verdadeiro laboratório de lutadores, com mais de 400 membros, treina num País onde as lutas de “Cage “viviam até á pouco tempo uma situação quase inacreditável por não estarem regulamentadas e serem, aos olhos dos parâmetros legais “atentados á dignidade humana “.

Foi por isso um desafio ainda maior aquele que Fernand Lopez sempre enfrentou: preparar alunos para combater no exterior.

Na UFC de preferência.

Engenheiro Eletrotécnico e pai de uma menina de 4 anos, este homem nascido em Tala, nos Camarões é um verdadeiro prospetor de talento: deteta-o e molda-o á sua maneira, transformando rochas sem expressão em diamantes reluzentes.

O exemplo acabado de Ngannou é só mais uma prova da capacidade do seu treinador: um homem vindo das ruas que se transforma em candidato principal ao maior titulo da modalidade é um guião que apenas os melhores realizadores conseguem produzir.

Owonyebe é um deles.

Ele, que nunca atingiu verdadeiro sucesso quando lutou.

Na verdade, um grande lutador nem sempre dá um grande treinador e o inverso é também verdadeiro.

Fernand Lopez é a prova final desta tese: viu uma carreira mediana – a Promotora mais conhecida onde combateu terá sido a Pancrase – – ser interrompida por razões médicas, mas o gosto pelos Desportos de Combate não o deixou ficar por ali.

Há boa educação, pessoal e académica, que recebeu soube juntar o ingrediente que apenas aqueles que são “especiais” conseguem adicionar, para conseguir tornar-se uma das mais respeitadas autoridades no MMA atual.

Carateriza ele próprio o seu trabalho como um misto de “educador, diretor desportivo e promotor “.

É possível, mas Fernad Lopez Owonyebe está a ser modesto.

Ele é bem mais do que isso.

É o homem que olha as estrelas e consegue perceber, num céu pejado quais as que brilham com maior intensidade.

Essa capacidade tem um nome.

Chama-se talento.

Até para a semana… e boas lutas!

João Fontes

 

Sabes de alguma notícia que não está publicada no Ultimate Fight? Envia-nos!

Sobre o Autor

Facebook Profile photo

1 Comentário

  1. Facebook Profile photo

    arco300 - há 5 meses

    RETIFICAÇÃO: segundo o Luís Barneto, a quem muito agradeço o fato de ter confirmado a informação, a situação em França mantém-se inalterada, não existindo sequer perspectivas de qualquer evolução nos próximos tempos pelo que, perante a Lei Francesa , as lutas de ” Cage” continuam – de forma absolutamente incrível – a ser consideradas ” atentados á dignidade humana”. Por essa razão, qualquer espetáculo que se tente organizar naquele País cai dentro desse parâmetro legal

Comentar

Editar avatar »